quinta-feira, 7 de maio de 2009

MUSICA DO DIA 148

Chega de Saudade é uma canção escrita por Vinícius de Moraes (letra) e por Antonio Carlos Jobim (música), em meados dos anos 50.
Chega de Saudade foi gravada pela primeira vez em abril de 1958, na voz de Elizeth Cardoso, que a gravou com arranjos do maestro Antonio Carlos Jobim, acompanhada também pelo violão de João Gilberto. A versão de Elizeth foi lançada em maio daquele mesmo ano no álbum-projeto Canção do Amor Demais pelo selo Festa (LDV 6002).

Alguns meses depois, a canção recebeu novas versões, primeiro pel'Os Cariocas, através de disco Columbia e também por João Gilberto, num 78 rotações lançado pela Odeon em julho que tinha, no lado B, a música Bim Bom, de autoria do cantor. A faixa-título do LP, lançou a carreira de João Gilberto.

Mais tarde, esta gravação antológica ficou reconhecida como o primeiro registro fonográfico da bossa nova.
Fiz uma mixagem com vários intérpretes para o Chega de Saudade: Chico, João Gilberto, Gal, Edu Lobo, tudo isso especialmente pra vocês e também para festejarmos juntos o decreto aprovado pelo Governo que institui o DIA DA BOSSA NOVA, que será comemorado todo dia 25 de janeiro. Que tal? Bacana...


2 comentários:

  1. Taí pessoal, mais uma produção do Renato, q acabei de ver e ouvir...Vale a pena, e bate uma nostalgia...
    O Renato usou de uma matéria -prima , q já vem predestinada ao sucesso, por sua importância ímpar em nossa M.P.B. ...Mas isto, de forma alguma lhe tira os méritos...Pinçou interpretações de diversos intérpretes desta melodia: a melodia, q é considerada, tal como um início da Bossa-Nova...
    E, a gente, 'morre de saudades'...

    ResponderExcluir
  2. Vera Lúcia Liguori M.Guzman17 de maio de 2009 15:44

    Antológica colcha de retalhos. Como é bom rever grandes nomes,que quase não são mais vistos, como por exemplo, Edu Lobo.
    Você que é uma pessoa extremamente bem informada sobre a MPB, e a música de um modo geral, saberia alguma notícia da Marília Medaglia, que venceu um dos festivais da Record, com a inesquecível "Ponteio" de autoria do Edu Lobo?
    Parabéns pelo excelente bom gosto!
    Estou sempre por dentro de seus clipes através da maravilhosa Raquel e do seu blog. Que bom ter conhecido vocês!
    Beijos,
    Vera Lúcia
    vguzman@uol.com.br

    ResponderExcluir

Deixe aqui seus comentários ou críticas. Serão bem-vindos.