terça-feira, 1 de junho de 2010

AS VITRINES

Pessoal, Chico Buarque recorda um velho sucesso de 1981, que fez parte da trilha sonora (foi a abertura) da novela Sétimo Sentido da Rede Globo de autoria de Janete Clair com Regina Duarte e Francisco Cuoco encabeçando o elenco. AS VITRINES, uma das inúmeras canções do Chico que curto demais. Por isso fiz questão de colocá-la no blog e repartir esses bons momentos com vocês.


2 comentários:

  1. Chico é tudo de bom!
    Sempre!
    Obrigada.
    Rogoldoni

    ResponderExcluir
  2. Chico consegue proezas...
    -Talvez esta seja a única ou uma das pouquíssimas músicas de Chico, q a Globo 'permitiu', q fizesse parte da trilha sonora de uma de suas novelas. A causa é simples: Chico jamais aceitou a forma de trabalhar da Globo, seus objetivos, e principalmente, a flagrante falta de respeito da Emissora das Plumas e Paetês, em relação aos artistas, suas carreiras e aos seus respectivos trabalhos. E, assim, Chico ñ se dobrou à Globo. Podia e pode...Nesta época houve um cochilo de alguma das partes, sinto muito, mas ñ sei. Há algum tempo, Chico e a Globo fizeram as pazes, tanto q ficou no ar por um bom tempo, Chico & Caetano, para o nosso deleite.
    Eu queria mto, acrescentar algo aos parabéns de sempre , q envio ao Renato. Pela produção, pelas escolhas acertadas...
    Decidi presenteá-los com a letra de 'As Vitrines', q é mais uma poesia de Chico, e q no vídeo, acaba-se perdendo uma palavra ou outra. Lendo-a, terei certeza, q prestarão atenção à letra.

    As Vitrines

    Chico Buarque
    Composição: Chico Buarque

    Eu te vejo sair por aí
    Te avisei que a cidade era um vão
    - Dá tua mão
    - Olha pra mim
    - Não faz assim
    - Não vai lá não

    Os letreiros a te colorir
    Embaraçam a minha visão
    Eu te vi suspirar de aflição
    E sair da sessão, frouxa de rir

    Já te vejo brincando, gostando de ser
    Tua sombra a se multiplicar
    Nos teus olhos também posso ver
    As vitrines te vendo passar

    Na galeria, cada clarão
    É como um dia depois de outro dia
    Abrindo um salão
    Passas em exposição
    Passas sem ver teu vigia
    Catando a poesia
    Que entornas no chão

    No início, eu falei sobre proezas. Citei somente uma. Devo citar mais uma, ao menos:
    Chico conseguiu acabar com os adjetivos do meu vocabulário, no q diz respeito a qualificá-lo...
    Parabéns, Renato.
    Abração,
    Rachel.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seus comentários ou críticas. Serão bem-vindos.