terça-feira, 9 de agosto de 2011

CANTINHO DA POESIA

Faço aqui mais uma homenagem a Carlos Drummond de Andrade, poeta, escritor a quem aprendi a admirar sem restrições tanto pela sua obra como pelo seu comportamento e estilo como escritor. O poema que escolhi se chama BOITEMPO lido por ele e também por mim.



Um comentário:

Deixe aqui seus comentários ou críticas. Serão bem-vindos.