domingo, 30 de abril de 2017

Belchior 70 anos - Um decálogo alucinado

Faleceu aos 70 anos o grande poeta, compositor, filósofo nordestino Belchior, um cara humano, carinhoso com os amigos e que há algum tempo decretou seu auto-exílio. . Conhecia a obra completa de Kant, Schopenhauer, Nietzsche. Ele foi um dos maiores especialistas do mundo em Dante Alighieri. Suas composições são inesquecíveis e as letras são verdadeiras poesias. Uma vez vi-o pessoalmente numa pizzaria famosa aqui em Campinas. Sempre do mesmo jeito. Não há uma canção em seu repertório que não agrade. O Brasil Musical perdeu hoje um grande artista. Para as novas gerações que não o conheceu, vale a pena ouvir a sua obra. Vejam sua discografia.

1974 – Belchior (Continental – LP)



1976 – Alucinação (Polygram – LP/CD/K7)



1977 – Coração Selvagem (Warner – LP/CD/K7)



1978 – Todos os Sentidos (Warner – LP/CD/K7)



1979 – Era uma Vez um Homem e Seu Tempo/Medo de Avião (Warner – LP/CD/K7)



1980 – Objeto Direto (Warner – LP)



1982 – Paraíso (Warner – LP)



1984 – Cenas do Próximo Capítulo (Paraíso/Odeon – LP)



1986 – Um show - 10 anos de sucesso (Continental – LP/ K7)



1987 – Melodrama (Polygram – LP/K7)



1988 – Elogio da Loucura (Polygram – LP/K7)



1990 – Trilhas sonoras (Continental – CD/ LP/ K7)



1992 – Eldorado - com Eduardo Larbanois e Mario Carrero (Movieplay – CD)



1993 – Baihuno (MoviePlay – CD)



1995 – Um concerto bárbaro (Polygram – CD)



1996 – Vício Elegante (Paraíso/GPA/Velas – CD)



1999 – Auto -Retrato (BMG – CD)



2004 - As várias Caras de Drummond


 

Um comentário:

Deixe aqui seus comentários ou críticas. Serão bem-vindos.